a coreografia da mão

Autores

  • António Jorge Gonçalves Faculdade de Belas Artes, Universidade de Lisboa, Portugal

Resumo

O meu interesse pelo lado performativo das artes vem, pelo menos, desde os ensaios com a banda pop que integrava como baixista. Conceitos como beat, groove, batida, riff, melodia, harmonias vocais, sempre encontraram correspondentes (enquadramento, espessura, textura, gradiente, cor, padrão, velatura) nos meus desenhos. Não é por acaso que falamos de uma “linha de baixo”. Dentro do universo da banda desenhada, por exemplo, considerava o traço como a secção rítmica e a cor como a melodia que voava por cima da estrutura. Fascinava-me sobretudo a possibilidade que os músicos têm de se encontrar e “fazer música”, mesmo sem trocarem impressões prévias. Partindo de uma frase sonora que alguém produz, qualquer pessoa pode acrescentar a sua própria frase, trazendo para a música a sua perspectiva, construindo um lugar sonoro que pertence a todos e que simultaneamente não pertence a ninguém.

Biografia Autor

António Jorge Gonçalves, Faculdade de Belas Artes, Universidade de Lisboa, Portugal


Email
: mail@subway-life.com
URL: http://www.antoniojorgegoncalves.com/

António Jorge Gonçalves, estudou Design de Comunicação em Lisboa e Theatre Design em Londres. Tem criado, a solo e com outros escritores, livros onde texto e imagem se relacionam de forma íntima e experimental. Fez direção visual em peças de teatro. Concebeu um método de Desenho Digital em Tempo Real e manipulação de objectos em Retroprojector que tem utilizado em espectáculos com músicos, actores e bailarinos.
Com o projeto Subway Life, percorreu o mundo desenhando pessoas no Metro. Publicou semanalmente cartoon político nas páginas do Inimigo Público (jornal Público) entre 2003-2018, tendo sido distinguido no World Press Cartoon e visto os seus desenhos serem publicados no Le Monde, Courrier Internacionale em colectâneas internacionais.
Foi distinguido em 2014 com o Prémio Nacional de Ilustração (DGLAB) pela obra Uma Escuridão Bonita (com Ondjaki).
Foi docente no IADE, na RESTART e na Universidade Nova de Lisboa. Integrou o projecto pedagógico 10×10 da Fundação Calouste Gulbenkian, como artista. Actualmente leciona na Faculdade de Belas Artes de Lisboa.

Downloads

Publicado

2020-11-08

Como Citar

Gonçalves, A. J. (2020). a coreografia da mão. RevistaMultidisciplinar, 2(2), 79–81. Obtido de https://revistamultidisciplinar.com/index.php/oj/article/view/35